Manifestação contra os gastos na COPA e atual situação de miséria do trabalhador

18/06/2013 00:00

Manifestantes protestam pelas ruas de Fortaleza

Ato ocorreu também em solidariedade às vítimas dos confrontos com policiais em São Paulo e Rio de Janeiro

Centenas de estudantes universitários se reuniram, na tarde de ontem, em um protesto por ruas e avenidas de Fortaleza, em solidariedade às vítimas dos confrontos com policiais em São Paulo e Rio de Janeiro e contra os gastos para a Copa do Mundo. O ato, considerado pacífico, chegou ao fim no Hotel Marina Park, onde a Seleção Brasileira de futebol está hospedada. Os manifestantes já se organizam para realização de um novo movimento amanhã, dia em que ocorre o primeiro jogo da Copa das Confederações na capital cearense.

Estudantes pararam o trânsito nas avenidas 13 de Maio e Domingos Olímpio e seguiram até o hotel onde está a Seleção Brasileira Foto: JORNAL DN

O ato teve início na Praça da Gentilândia, no bairro Benfica, nas proximidades do Estádio Presidente Vargas, onde a seleção realizava jogo de treinamento durante a tarde. Os estudantes fecharam ruas e pararam o trânsito nas avenidas 13 de Maio e Domingos Olímpio.

Segundo uma das organizadoras da manifestação, Rosa da Fonseca, devido ao aumento de manifestantes, resolveram seguir até a Faculdade de Direito da Universidade Federal do Ceará (UFC) e em seguida foram ao hotel da seleção. "Mostramos ao Brasil que os jovens estão saindo do Facebook para a lutar pelos seus direitos", afirmou.

"São hospitais lotados, destruídos e sem funcionar enquanto eles constroem estádios com bilhões. Não somos apenas nós, é necessário que o Brasil acorde para isso. Ninguém aqui está fazendo vandalismo nem quebrando nada", explicou a estudante de Direito Romichele Lima, 21.

Segundo o comandante do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur), coronel Cláudio Mendonça, todo o trajeto do protesto ocorreu de maneira tranquila, sem registros de ocorrências.

 

 

 

NOTA SINDVIGILANTES - O DIREITO AO PROTESTO PACÍFICO E À LIBERDADE DE IR E VIR É UM DIREITO NOSSO! DIREITO CIVIL! SOMOS CONTRA QUALQUER REPRESSÃO AO CIDADÃO.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!